Quem já tem cerca de 15 anos de experiência atuando junto ao e-commerce brasileiro sabe de alguns passos essenciais para o negócio se estruturar de maneira sólida. É o caso de Leonardo Godoy, sócio da Wide Commerce, agência especializada em e-commerce que atua na região de Campinas e na cidade de São Paulo.

A entrevista com Leonardo Godoy faz parte do ebook 'O que fazer para faturar R$ 200 mil por mês com seu e-commerce', que escrevemos no Pagar.me reunindo dicas para aplicar em sua loja online e melhorar sua conversão de vendas. O ebook, gratuito e disponível online, também conta com entrevista com Tiago Baeta, do E-commerce Brasil. Para fazer o download gratuito do ebook, clique aqui.

“O e-commerce no Brasil vem crescendo muito nos últimos anos, mesmo com a crise, e ainda há muito varejo físico que está se adaptando para vender no mundo online”, diz ele. Por isso, é natural esperar que o setor continue crescendo de maneira acelerada. Mas, para sair na frente, é preciso dar atenção especial a alguns detalhes. Se o foco é lucratividade, aponta Godoy, “e-commerce sem promoção não pode ser chamado de e-commerce”.

e-commerce

“Para aumentar receita, é necessário ter um volume alto de cliques e boas taxas de conversão. Mas uma coisa depende da outra e as promoções ajudam muito a vender. Por isso, é essencial oferecer opções de parcelamento, boleto à vista e frete grátis, porque são coisas que vão manter seu negócio muito competitivo”, diz ele.

“Hoje, ter uma boa taxa de conversão é o segredo para aumentar o faturamento no e-commerce. Mas não adianta ter alta conversão se o site não receber muitas visitas”, diz. Por isso, é importante investir em mídia paga e elaborar parcerias, por exemplo, para garantir um bom retorno. O cliente, lembra Godoy, presta atenção a detalhes.

“Hoje, ter uma boa taxa de conversão é o segredo para aumentar o faturamento no e-commerce. Mas não adianta ter alta conversão se o site não receber muitas visitas

É por isso que o negócio tem de ser pensado de ponta a ponta. A loja tem de se profissionalizar, usar boas fotos, informar telefone e saber que o cliente vai buscar a página do negócio no Facebook para ter melhor noção da natureza da operação. “O importante é passar confiança e dar atenção no atendimento, porque aí as pessoas vão continuar voltando.”

Aprenda a ganhar mais com seu E-commerce

Confira dicas, reportagens e conteúdos especiais de especialistas em E-commerce e Marketing Digital. Digite seu email abaixo:

Lucas Brand
Cientista de Conteúdo
O que Fazer para Faturar R$200 mil por Mês com seu E-commerce